\imprensa Viva
.

Delator destrói Lula e Dilma - Os dois comandavam pessoalmente o assalto do PT na Petrobras


O ex-senador Delcídio do Amaral revelou aos procuradores da Lava Jato em seu depoimento da última semana que o ex-presidente Lula e a ex-presidente Dilma Rousseff eram os comandantes do esquema de corrupção na Petrobras.

Os investigadores da Lava Jato queriam saber do ex-senador quando teria começado o esquema de corrupção na estatal e ficaram surpresos com a clareza com que Delcídio respondeu a pergunta do procurador.


Segundo o Antagonista, o procurador Januário Paludo, da Lava Jato, pergunta o esquema de corrupção na estatal se deu desde o início do primeiro governo Lula e se estava claro que a função dos diretores indicados pelo PT para a Petrobras era arrecadar dinheiro para benefício próprio e para o fundo partidário:

"E isso era sabido por quem?", questiona o procurador.

"Neste início, doutor Januário, isso era muito restrito, era pouco, era um grupo muito pequeno que tinha conhecimento disso ou que tinha ação sobre esse processo. Por que? Porque praticamente a diretoria inteira da Petrobras era 'puro sangue', era tudo PT. Era uma coisa muito restrita à estrutura maior partidária e, claro, à própria Presidência da República, o presidente Lula, e, evidentemente, à ex-presidente Dilma, que era ministra de Minas e Energia e, até pelo perfil dela, esse processo passava por ela também", responde.

O ex-senador reforça: "Então, era o PT, o Ministério de Minas Energia e o presidente Lula"

Delcídio confirmou que o núcleo central do PT, do qual ele mesmo fazia parte, enquanto a então ministra de Minas Energia, Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula comandaram o assalto na estatal
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget