\imprensa Viva
.

Destituição de Dilma é a maior derrota de Lula, do PT e de toda a esquerda da América Latina


Vista como um sinal do declínio da influência do ex-presidente Lula, a destituição de Dilma Rousseff da presidência da República alcançou grande repercussão na imprensa internacional logo nas primeiras horas após o anúncio da derrota esmagadora no Senado brasileiros.

Para analistas, Lula já havia perdido a credibilidade perante a comunidade internacional, mas ainda se acreditava em sua força política e seu poder de influência no país. A derrota de Dilma por 61 votos a 20 sinalizou não apenas a morte política da ex-presidente, mas também a morte de Lula e do PT como forças no Brasil e na América Latina.

A presença do cantor Chico Buarque na galeria do Senado no dia da votação do impeachment, ao lado de Lula, também é vista como um mau presságio. Seu pai, Sérgio Buarque de Holanda, um dos fundadores do PT, esteve presente no nascimento do partido há 36 anos, no Colégio Sion, em São Paulo, em um domingo, 10 de fevereiro de 1980. Chico Buarque compareceu ao velório do PT, no dia 31 (13 ao contrário) de agosto de 2016.

O declínio do partido e a perda de credibilidade perante a sociedade é um fato incontestável. O PT lançou 50% menos candidatos a prefeito em todo o Brasil, comparando com o ano de 2012. E mesmo assim, os poucos candidatos que se arriscaram a concorrer pela legenda estão evitando mostrar em suas campanhas as cores, a estrela e até mesmo a sigla do partido.

Com três ex-tesoureiros presos, uma presidente deposta e seu maior líder apontado como o chefe da organização criminosa que assaltou a Petrobras, o PT já não é mais o mesmo partido que tinha como bandeira o combate à corrupção. Tornou-se sinônimo dela.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget